Jovens demais

Ato 1. Cena 1. Em meus pensamentos longínquos fico a imaginar o tempo perdido. Mais ainda somos tão jovens, tão imaturos e tão irreais, e ainda sim, tão jovens. Sempre ao longe te vejo, como vejo os pássaros, e ainda não encorajei-me a abrir as asas dos meus pensamentos e ir até você. Você ainda está longe.Porque a pressa? Ainda somos tão jovens. Alcançar você parecia tão fácil, como tocar levemente as páginas de um livro, parecia tão fácil. Nada é o que parece .. nada.

Ato 2. Cena 1. Me entristeci ao ver-te olhar par fora. O FORA de tudo. Simplesmente o transparente. Espantei-me em ver que você é só mais um ...


 Vivendo de paixões, apostas, falsidades, e exterior. 
 Resolvi pensar diferente , ou talvez,voltar ao primeiro pensamento.
 "Por ser assim,tão imaturo, insensato ainda és jovem demais .."

Jovem demais pra poder ver qualidades e não quantidade
Jovem demais pra poder ver sinceridade e não transparência 
Jovem demais pra poder ver interior e não exterior ...

Ainda és jovem demais 
Amadureça e enxergue  mais do que os outros já veem (:

Assim você será alcançado com mais facilidade (:


5 Comentários:

Antes de comentar dê uma lida.

* Não comente como anônimo. Na opção "comentar como" escolha "Nome/URL" e assim, vou saber quem é e retribuir a visita no seu blog.
* Visite nossos termos de uso para saber mais sobre os comentários.